Follow by Email

terça-feira, 14 de junho de 2011

Os trens da Vila Velha



Uma das atracções mais características da Vila de Sintra são os seus trens puxados a cavalo. Remontando já a muitos anos, cada carruagem,  deve corresponder aos modelos tradicionalmente utilizados em Sintra, designadamente os modelos ”Milord” ou “Victoria”, comportando o número máximo de 5  lugares, além do lugar para o condutor, e deverá ser puxada por uma parelha. Uma das características inovadoras introduzidas em 1991 foi a obrigatoriedade de uso de fraldas,  dispositivo para recolha de dejectos, dado que a circulação diária e constante ocasionava visões e cheiros menos consentâneos com o Delicious Éden.A caixa da carruagem deverá ser pintada de cor preta brilhante e verde ou, em alternativa, de cores sóbrias e os rodados de amarelo, vermelho escuro ou branco. Só é permitido o andamento a passo ou a trote, consoante as circunstâncias, tendo em vista uma condução prudente e de modo a evitar impedimento ou perigo para o trânsito e os locais para estacionamento dos trens são apenas no Largo Dr. Gregório de Almeida - máximo 8 trens, na Volta do Duche, junto à entrada do Parque Municipal da Liberdade - máximo 3 trens e na Avenida Dr. Miguel Bombarda, junto à estação de caminho de ferro - máximo 1 trem. Os dejectos dos animais serão obrigatoriamente acondicionados em sacos de plástico, que serão colocados no contentor de RSU mais próximo, depois de fechados.
Sendo deveres dos cocheiros usar de delicadeza, civismo e correcção ética para com o público, utilizar os trajes previstos no presente Regulamento ou conduzir, de forma diligente, os trens, uma lacuna se tem vindo a detectar: a falta de preparação dos ditos cocheiros para uma adequada explicação aos turistas daquilo que os levam a ver e a ausência de explicações em francês ou inglês, algo que noutros países com igual serviço ocorre. Uma sugestão: porque não empregar estagiários de turismo como acompanhantes dos cocheiros, contribuindo para a prestação dum serviço de qualidade?
Igualmente deveriam os roteiros ser mais diversificados e a tabela de preços clara e visível, o que nem sempre ocorre.
Os trens são parte de Sintra Romântica e uma melhoria do serviço só pode ser um valor acrescentado como oferta turística.

Sem comentários:

Enviar um comentário