Follow by Email

sábado, 9 de julho de 2011

Vai um leitão à Negrais?


Começa hoje e prolonga-se até 17 de Julho o Festival do leitão de Negrais. Festival sobretudo para os estômagos e o paladar e a balança lá de casa...
Negrais, no concelho de Sintra, povoação muito próximo de Pêro Pinheiro(conhecida pela sua forte industria pedreira), vive quase exclusivamente dos leitões e para os leitões. Ao que consta, esta actividade tradicional remontará já ao século XVIII, quando terão surgido os primeiros assadores, que faziam negócio vendendo-o em pedaços nas feiras e mercados do concelho. A  diferença evidente entre o leitão de Negrais e o da Mealhada, é que o primeiro é assado aberto, enquanto o outro o é inteirinho e atravessado por um espeto. De resto, e em termos de sabor, genericamente não é possível dizer que um é substancialmente melhor que o outro, pois as diferenças terão apenas que ver com os próprios restaurantes em si. Na Bairrada cozem-no depois de recheado com os temperos, é empalado num espeto e assado lentamente em rolagem, manual ou automática, dependendo dos fornos.
O leitão de Negrais não é cozido, é assado inteiro, rachado ao meio como os frangos de churrasco e assado da mesma forma.
Os temperos da pimenta e afins são semelhantes, se bem que a tradição diga que o da Bairrada deve ser acompanhado com batata cozida. É preciso é que vivo o leitão não ultrapasse os 10 quilos e depois de morto não ultrapasse os 8. Destacaria daqueles que conheço três restaurantes na zona: o restaurante "Tia Alice”, no largo principal (há quem diga que este é o melhor dos leitões assados em Negrais, menos gordo (talvez por ser mais novo) e, logo, com pedaços mais estaladiços;"O Caneira", já à saída da aldeia, à beira da estrada, com duas salas grandes e estacionamento privativo, o melhor na minha opinião; e "O Palácio dos Leitões", na zona alta de Negrais, em plena encosta, mas fácil de encontrar porque está bem sinalizado o caminho a partir do centro de Negrais. É talvez maior de todos os restaurantes da terra, com 3 salas enormes e estacionamento privativo. Nos outros nunca comi pelo que não me pronuncio.
 O acompanhamento do leitão, em todas as casas, é a tradicional batata frita às rodelas acompanhado com  o vinho espumoso da Bairrada(branco ou tinto), sendo temperado com um indispensável molho de pimenta. Os nutricionistas torcerão o nariz mas o prazer do garfo por uns dias,( com conta e medida) fará as suas avarias. Bom apetite!

1 comentário: