Follow by Email

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

"Animais" no Teatro Turim



O homem é um animal racional. Será? Há que contar com a racional irracionalidade da criatura enquanto fenómeno zoológico gregário, sempre pronto quer para comportamentos de cliché, como para surpreender na sua por vezes bizarra forma de estar.

“Animais”, peça que vai à cena no Teatro Turim, em Benfica, expõe de forma irónica mas incisiva aspectos da vida quotidiana alcandorados a mitos urbanos- o adultério, o swing, o machismo, a guerra dos sexos, numa trepidante sessão de 2 horas durante a qual os quatro actores se desdobram em personagens que todos reconheceremos na pessoa de algum amigo ou vizinho, com um humor contagiante e uma interpretação segura e cativante.

Élia Gonzalez, Filipe Salgueiro, Pedro Rodil e Susana Rodrigues com a sua parafernália de (des)construção de personagens prendem os espectadores que surpresos vêm desfilar a fauna urbana enjaulada em preconceitos, aflições e paradoxos. O público, engaiolado na plateia, observa, sorri, e vê-se ao espelho, rindo quando identifica arquétipos que crê serem dos outros, sorrindo quando alguma cena lhe é mais familiar ou terá ocorrido consigo mesmo.E embarca nesta Arca de Noé onde o mais desconcertante é Noé, o motorista...

Por ser o actor que melhor conheço dos quatro, um destaque para a interpretação segura e refrescante do Pedro Rodil, num conjunto de intervenções que permitem dar a conhecer a sua versatilidade e evolução, fora de anterior formatação televisiva, e que mostram um crescimento como profissional promissor, sem desprimor dos demais, sem desníveis ou inseguranças.

A toda a equipa, parabéns e muito sucesso, e até breve, num teatro por aí.

Sem comentários:

Enviar um comentário